Arranha-céu em forma de turbina pode girar com o vento

Esse mega e criativo edifício pode gerar energia elétrica graças à sua rotação.

Imagem ilustrativa

À medida que a engenharia atinge níveis inimagináveis de conhecimento e experiência, as representações do futuro que parecem filmes de ficção científica tornam-se mais viáveis do que nunca.

Em tal projeto, o horizonte de Dubai tem um sabor futurista próprio graças ao conceito de arranha-céu do arquiteto turco Hayri Atak. Esse edifício pode girar fisicamente conforme o ritmo do vento, de acordo com um comunicado de imprensa fornecido pelo arquiteto.

A ‘Squall Tower’ se revelou recentemente no site do arquiteto e nas redes sociais. Assim proporcionou uma visão ampla do edifício.

Prédio ventilador

Uma torre sincronizada com o vento

A ‘Squall Tower’ é arte do Hayri Atak, Kaan Kılıçdağ, Büşra Köksal e Kübra Türk. É um projeto conceitual que combina três parâmetros diferentes da forma mais adequada. O arquiteto se inspirou em turbinas eólicas verticais. Além disso, em contraste com os arranha-céus que resistem à força do vento, a torre se move de maneira uniforme com seu ambiente.

torre sincronizada com o vento

Prédio Ventilador?

A torre vem com três segmentos em forma de fita projetados para girar lentamente, em uma velocidade fixa. Os segmentos se torcerão em torno de um eixo central, com vários ramos conectando tudo. Dessa forma, a rotação com arrasto mínimo será possível graças ao design simplificado de cada seção transversal da fita. Os relatórios estão em Yanko Design.

Yanko Design

Uma única rotação será concluída a cada 48 horas, com ou sem vento. Portanto, como muitos restaurantes rotativos fazem, a torre permitirá que seus ocupantes tenham uma visão completa de Dubai.

Em mensagem privada ao IE, Atak afirmou que a torre poderá atuar independente da direção do vento e gerar energia elétrica graças à sua rotação.