13 obras-primas curiosas pelo mundo - Mega Curiosidades

13 pinturas imperdíveis pelo mundo

Além de estranhas, as pinturas são bem intrigantes e podem fazer você se tornar reflexivo por algum tempo.

A Dança da Vida

Pintura de Edvard Munch

O expressionista norueguês Edvard Munch era conhecido por lutar contra a ansiedade e a depressão. Consequentemente, inspirou um legado de trabalhos profundamente emotivos, muitas vezes obras angustiantes, principalmente O Grito (1893). Mas Dança da Vida (1899-1900), em exibição no Museu Nacional de Arte de Oslo, é uma composição luminosa. Porque retrata os vários estágios da vida de uma mulher, tendo como pano de fundo um litoral iluminado pela lua.

Retábulo de Ghent

Pintura de Hubert van Eyck e Jan van Eyck

Também conhecido como A Adoração do Cordeiro Místico, o Retábulo de Ghent (1432) é considerado uma das mais importantes e cobiçadas obras-primas do mundo. Além disso, o The Guardian chamou de “a obra de arte mais roubada de todos os tempos”. Em 2012, um instituto cultural iniciou um projeto de restauração de sete anos, que deve ser concluído em 2019. Mas dois terços do retábulo original permanecem à vista na Catedral de St. Bavo. Enquanto os painéis restaurados são temporariamente substituídos por réplicas em preto e branco. Por consequência, o painel Juízes Justos foi roubado em 1934, e uma reprodução permanece em seu lugar.

Meisje met de parel

Pintura de Johannes Vermeer

Poucos rostos são tão atemporais quanto os de Johannes Vermeer, Girl with a Pearl Earring (1665). Então este olhar misterioso cativa o público há mais de 300 anos. À vista no Mauritshuis, o retrato radiante da garota, a inquestionável obra-prima de Vermeer, é um ícone duradouro da Idade de Ouro Holandesa.